VOLTAR

BLOG

00

0000

Como anda a integridade da sua marca?

Categorias:

Peter Drucker nos diz que:

“A meta do marketing é conhecer e entender o consumidor tão bem, que o produto ou serviço se molde a ele e se venda sozinho”

E nunca se viveu isso de forma tão intensa. Numa era da economia da atenção, onde o tempo das pessoas vale dinheiro, sustentar uma empresa pela sua comunicação já não funciona. As pessoas pedem verdade, o poder está nas mãos do consumidor e uma marca pertence as pessoas e não mais as empresas. Nesse cenário, pensar serviços, produtos e estruturar o posicionamento do negócio é um tema urgente na pauta dos empreendedores e das grandes empresas. A internet nos aproximou das marcas e as pessoas esperam delas mais do que simplesmente vender uma oferta.

Buscando o significado acadêmico para o termo “marketing” encontramos a seguinte definição, feita por Phillip Kotler: “Marketing é a atividade humana dirigida para a satisfação de necessidades e desejos por meio de processos de troca”, ou seja, se fala em atender desejos e não em enfiar goela abaixo dos consumidores o que o negócio tem para oferecer ou convencer as pessoas a consumirem algo que não necessitam. O quadro abaixo é o raciocínio atual sobre a lógica de se pensar o marketing de uma empresa. Vale lembrar aqui que marketing não é comunicação, que ele consiste em pensar o negócio e não apenas a sua forma de se comunicar.

As pessoas vão lembrar da nossa empresa pelo que somos, pelas bandeiras que levantamentos, pelas causas que acreditamos. E isso tudo precisa fazer sentido, ser real, não pode ser estratégia de marketing: primeiro tenha valores, depois tenha um negócio. O espaço que desejamos ocupar na cabeça no consumidor, que é o posicionamento de comunicação, precisa dessa equação bem resolvida e precisa, mais do que tudo, que essa promessa seja realmente entregue na compra. Isso é integridade de marca: promessa x entrega.

Dessa forma, é importante entender o que as pessoas esperam da empresa, no que ela pode ser diferente do que já existe, que demanda ela pode atender, quais são as oportunidades descobertas no cenário de negócio onde ela está inserida. Novos modelos de negócios também se apresentam como boas alternativas: posso oferecer a mesma coisa em um formato diferente? Modelo de negócio é a forma pela qual uma empresa cria valor para todos os seus principais públicos de interesse. E aí, qual o valor do seu negócio?

PARA ENTRAR EM CONTATO,

envie um e-mail para: patricia@patriciachiela.com.br

 

51 8192.4858

contato@patriciachiela.com.br

Porto Alegre, RS - Brasil