SITE

BLOG

17

MAR

2015

Vida longa ao bom posicionamento.


Categorias: planejamento, posicionamento, conexão360,

Muito tem se falado sobre propósito de marca e de negócio. Deixando de lado o termo e partindo para o entendimento, precisamos ir além. Na verdade, o propósito tem relação direta com os princípios norteadores da empresa, com aquilo que faz dela única, que não pode ser copiado. Você já pensou qual é o propósito do seu negócio? Ampliando um pouco o olhar, o propósito precisa estar refletido no posicionamento, que é uma equação maior, pois é mais estratégico do que emotivo. Nesse caso, para posicionar, é preciso segmentar: entender para quem o seu negócio vende, quais os hábitos de consumo e onde o seu negócio está inserido no mercado.

 

Posicionamento, na definição técnica feita por Kotler, é “o ato de desenvolver a oferta e a imagem da empresa para ocupar um lugar destacado na mente do consumidor”. Trocando miúdos, é como você quer ser lembrado e como você se torna relevante e para isso o posicionamento precisa ser materializado, de fato, na compra, no serviço, no atendimento, na comunicação, enfim, no branding da marca.

Um exercício fácil é pensar:

  • Para quem eu vendo?
  • O que meu público procura?
  • O que meu negócio tem para oferecer de forma relevante?
  • Como meus concorrentes se posicionam?
  • Como eu quero ser lembrado?
  • Qual a imagem prentendida para a minha empresa?

Posicionamento, assim como a marca, é feito de um conjunto de percepções e sentimentos que permitem um serviço ou produto ser único na vida de um cliente. É um bem essencialmente intangível por natureza, assim como as marcas. É dessa forma que ela é qualificada por contadores e financeiros do mundo. A comunicação só vai ajudar na propagação dessa força, mas ela precisa existir no seu negócio.

PARA ENTRAR EM CONTATO,

envie um e-mail para: patricia@patriciachiela.com.br

 

51 8192.4858

contato@patriciachiela.com.br

Porto Alegre, RS - Brasil